Próximo Inverno

By | 3/17/2011 10:50:00 AM Leave a Comment


Enfim, acaba uma semana de moda das mais agitadas. Porque reuniu dois eventos quase ao mesmo tempo, com o mesmo formato, em pontos próximos da cidade do Rio de Janeiro. Qual foi o melhor? Qual foi o pior? Essa avaliação depende de muitos pontos de vista, que nem cabe agora definir - um vende mais nos espaços de atacado, o outro investe mais na originalidade dos lançamentos, e por aí vai. O que pode decidir o futuro de cada um é a escolha dos participantes, que devem saber se querem vender (neste caso, devem ter estrutura de produção e logística de entregas) ou se querem marcar espaço como nome.
O que nos interessa é resumir algumas escolhas para vestir quando a temperatura cair, ou quando der vontade de usar roupas novas, a partir de março. Vamos lá:
- Alfaiataria: para homens e mulheres, é uma volta forte, porque pode substituir até o jeans. Uma boa calça cinza vai dar base para looks com cores variadas ou o preto de sempre.
- Flores: em estampas ou aplicações, uma constante em cores escuras, afinal é inverno.
- Fazenda: campo, country, algo fora da cidade, justificando os diversos xadrezes. Com direito a fardos de feno nos cenários.
- Militar: de novo? Sim, mas com umas graças novas. Passa perto do selvagem, e repete as estampas de oncinha. O que tem a ver, onça com farda? Ah, é algo tipo safari, e pronto.
- Nômades: uma onda que já dura quase uma década. Este é o ciclo normal de uma tendência. Tivemos casacos fortes, volumosos, feitos até de cabelo artificial, mas a maioria era de tricô grosso mesmo.
-Metais: o ouro sobrevive, em texturas gastas e craquelês. O cobre é mais forte, em couros e acessórios.
O segredo maior da temporada é saber descombinar. Ou contrastar, usar boot com vestido de festa, salto alto com casaco de tricô e shorts de jeans. Parka sobre vestido florido.
Nos desfiles do Rio, o jeans clareou bastante, começa no gelo quase branco e eventualmente chega ao preto, mas está fora do circuito lançador. É básico, quase invisível. A legging deu uma pausa, a gola rulê desenrolou. As botas continuam, as plataformas saem um pouco de cena. Em matéria de acessório, cinto desbanca o sapato. Toda a silhueta está mais visível, mais alongada - daí o cinto ser destaque.
No colorido: cinza (mais do que preto), coral, verde-jade, camelo, amarelo, marinho (menos), lilás (pouco). Sumiu o azul-Bic, mas os anos 1980 continuam nas mangas volumosas por pregas e camadas.

    Site ..Terra
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: